domingo, 27 de maio de 2018

GREVE DOS CAMINHONEIROS - Emílio Dalcóquio é um empresário bem informado. Sabe de onde vem o mal do sistema político brasileiro

EMPRESÁRIO EMÍLIO DALÇOQUIO APOIA GREVE DOS CAMINHONEIROS E DETONA PROFESSORES DA UNIVALI ACUSANDO-OS DE DOUTRINAR ALUNOS COM BASE EM TEORIAS COMUNISTAS.
Escrito por Aluizio Amorim e publicado em 4/5/2018 no Blog do Aluizio Amorim
Neste vídeo o youtuber Ludiley Aguilar entrevista o empresário Emílio Dalçoquio, cuja empresa está sediada na cidade portuária de Itajaí, em Santa Catarina.

Dalçoquio que começou a vida trabalhando como caminhoneiro solta o verbo desferindo críticas ao professores da Univali - Universidade do Vale do Itajaí, acusando-os de fomentar o comunismo no âmbito universitário doutrinando os alunos com base em teorias marxistas.

Vale a pena ver este vídeo.

quarta-feira, 16 de maio de 2018

A cultura brasileira é muito rica de religiosidade herdada de Portugal

Expressões autênticas da religiosidade popular

Escrito por Carlos Sodré Lanna e publicado no site da ABIM em 16 de Maio de 2018.


Celebração da festa do Divino Espírito Santo em Florianópolis (SC), remonta às origens de nossa História. Na sala denominada Império do Divino, senta-se em tronos o Rei e a Rainha após o cortejo pelas ruas da cidade.


Em todas as regiões brasileiras, mesmo nos mais remotos rincões, são realizadas anualmente festas religiosas fixas e móveis, nas quais, não raro, de forma até pitoresca, se manifesta a alma católica da Nação.

Certos pormenores desses festejos refletem costumes tradicionais de festividades análogas da Europa, sobretudo realizadas em nossa mãe-pátria, Portugal.

domingo, 13 de maio de 2018

OS NAZISTAS ERAM AMBIENTALISTAS RADICAIS: Ou: As raízes anti-humanas do movimento ambientalista (2)

Escrito por Luis Dufaur* às 05:30, domingo, 13 de maio de 2018, no Blog Verde: A cor nova do comunismo
Os nazistas foram pioneiros
Sempre soubemos que, em termos econômicos, os nazistas eram esquerdistas (Nazi vem de Nationalsozialismus ou Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães), mas hoje - graças aos estudos de Robert N. Proctor, que os compilou em seu livro Racial Hygiene: Medicine Under the Nazis (Higiene Racial: a Medicina dos Nazistas) - sabemos que eles eram fanáticos por saúde, maníacos por exercícios físicos, ecologistas radicais, entusiastas de comidas orgânicas e defensores ferrenhos dos direitos dos animais, além de nutrirem profundo menosprezo por álcool e tabaco.

segunda-feira, 7 de maio de 2018

AS RAÍZES ANTI-HUMANAS DO MOVIMENTO AMBIENTALISTA(1)

Escrito por Luis Dufaur* e publicado no Blog Verde: A cor nova do comunismo

Lew Rockwell

Lew Rockwell, presidente do Ludwig von Mises Institute, em Auburn, Alabama, e editor do website LewRockwell.com, autor dos livros Speaking of Liberty e The Left, the Right, and the State, escreveu relevante matéria sobre a substância do movimento ambientalista.

No momento em que as grandes tubas da publicidade, mais ou menos eivadas de esquerdismo, rememoram até com saudades a explosão anárquica de Maio de 68, ou da Sorbonne, em Paris, o artigo volta à tona.

quinta-feira, 3 de maio de 2018

Se o estado assume o papel de Deus ou se não há valorização da família, então os representantes estatais arrancam os olhos dos vossos filhos para fazer comércio.

Escrito por Luis Dufaur*. Posted: 01 May 2018 01:30 AM PDT no Blog Pesadelo Chinês

Protesto no mundo livre contra o comércio chinês de órgãos humanos.


A Pontifícia Academia das Ciências Sociais, cujo chanceler é Mons. Marcelo Sánchez Sorondo, bispo muito próximo do Papa Francisco, voltou a albergar um encontro com a China sobre o tráfico de órgãos humanos. 

A China é o maior e mais desumano fornecedor de órgãos humanos “frescos”. Esses são extraídos de dissidentes, presos ou simples cidadãos “caçados” a dedo em locais públicos para atender uma encomenda da elite do Partido Comunista ou de estrangeiros muito ricos.

quarta-feira, 2 de maio de 2018

Como construir a felicidade da família. Ou: 14 filhos, todos varões, todos bem-vindos

14 filhos, todos varões, todos bem-vindos
Escrito por Plinio Maria Solimeo e publicado na ABIM em 2 de Maio de 2018.
Neste mundo tão egoísta, no qual só se pensa em gozar a vida, os filhos são vistos quase sempre como empecilhos. Por isso deve-se tê-los no menor número possível, ou nenhum, para evitar preocupação.

Por isso é edificante ver uma família que aceita como dom de Deus todos os filhos — já vieram 14 e, surpreendentemente, todos varões.