terça-feira, 29 de agosto de 2017

SOBRE A CONCESSÃO DA REDE GLOBO. Veja a opinião de Marcio Labre



Nunca escondi de ninguém que sou um defensor aguerrido da REVOGAÇÃO da concessão do sinal da TV GLOBO e vou explicar os motivos:

Já adianto logo para os lacradores de plantão que estou a quilômetros de distância da posição de quem pretende detonar a sacra "liberdade de expressão". Para vocês a minha resposta é curta e direta: VÃO TOMAR NAQUELE LUGAR !!!

Dito isso, acompanhe o raciocínio: Esta emissora promove uma agenda cada vez mais escancarada de REVOLUÇÃO COMPORTAMENTAL emtoda a sua grade, dia e noite, atingindo todas as faixas etárias e classes sociais deste país.

Isso não teria o MENOR problema se a REDE GLOBO assumisse publicamente SEUS VALORES. Ao fazer isso, ela daria o direito legítimo ao seu público de fazer uma ESCOLHA CONSCIENTE pela permanência ou não no canal, bem como assumiria o ônus de uma eventual debandada de espectadores.

A coisa complica quando a emissora prevarica da sua prerrogativa (concedida pelo pagador de impostos) e promove quase que em forma de DECRETO SACRO SANTO teorias, teses, opiniões e ideologias, como VERDADES ABSOLUTAS, lastreando tais postulados no endosso de "especialistas" que na maioria dos casos NÃO REPRESENTAM um consenso científico a respeito do assunto.

A GLOBO simplesmente ignora esse cuidado ético elementar e atropela o bom senso com a sua narrativa vigarista de colocar estas pessoas no status de "autoridades" inquestionáveis.

Como prova disso, basta observarmos a TOTAL AUSÊNCIA de espaço para o CONTRADITÓRIO nas questões que envolvem sérias polêmicas no seio da sociedade, com opiniões, visões, crenças e convicções antagônicas. O mínimo que se espera de quem se apresenta para a opinião pública como um veículo IMPARCIAL é, pelo menos, dar voz a todas as correntes. ISSO NÃO ACONTECE.

Em alguns programas, percebe-se de forma clara a mesma linha editorial e opinativa SEM ESPAÇO PARA DEBATE.

ENCONTROS COM FÁTIMA BERNARDES
ESQUENTA
AMOR E SEXO
PEDRO BIAL NA MORAL
ALTAS HORAS
CALDEIRÃO DO HULCK

Isso para não citar as produções dramatúrgicas e de entretenimento, altamente tendenciosas, com um repertório ridiculamente distorcido, previsível e sempre apontando para uma atmosfera de opressores x oprimidos, como se o mundo pudesse ser explicado de forma tão rasteira e desconectada da realidade.

Como eu já disse em outros posts, só vejo duas possíveis soluções, ou cassa-se a concessão desta emissora, devido a sua PARCIALIDADE política e cultural, ou abrimos mais concessões para que novos veículos de comunicação possam entrar no mercado e se contrapor a essa narrativa engessada, unilateral e, para eu e muitos brasileiros, altamente destrutiva para o país.

Enquanto isso não acontece, o melhor que temos a fazer é boicotar a TV GLOBO e para quem tiver um pouco mais de ousadia, abandonar a tv aberta. Já faço isso a alguns anos e ao invés de emburrecer, fiquei mais inteligente.
Por Marcio Labre no Facebook
















CurtirMostrar mais reações ComentarCompartilhar

Um comentário:

Anônimo disse...

Concordo plenamente. Depois que abandonei a tv aberta e pricipalmente a Globo ampliei e mudei completamente meus conhecimentos e minhas opiniões. Me sinto livre a arejada!!!!