quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

As derrotas do Foro de São Paulo, na Argentina e na Venezuela, são bons motivos para comemorar 2016

Escrito por Graça Salgueiro* no Mídia Sem Máscara, 22 DEZEMBRO 2015
Como pôde-se ver, ainda há juízes na Venezuela e o Foro de São Paulo perdeu dessa vez.
O ano de 2015 fecha com alguns revezes para o Foro de São Paulo, embora isso não signifique, como muitos imaginam, o começo do fim da organização criminosa. Para acabar com o Foro é preciso mais, muito mais, entretanto, nada me deixa mais alegre ao vê-lo acumular perdas significativas. Refiro-me às eleições presidenciais na Argentina, que destronou a dinastia Kirchner elegendo o conservador Mauricio Macri, e na Venezuela, onde a coalizão que conforma a Mesa de Unidade Nacional (MUD) mudou todo o cenário na Assembléia Nacional (AN) obtendo 113 cadeiras do total de 167, destituindo o poderoso presidente daquela casa parlamentar, o chefe do “Cartel dos Sóis” Diosdado Cabello.

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Empresários que pensam que o capitalismo não é concorrência entre empresários honestos enriquecem e vão para o inferno (falência) rapidamente. O futuro é a prisão

BNDES pede a falência do grupo empresarial do amigão de Lula
Parece evidente que o banco de fomento foi mais um dos instrumentos a que recorreu o PT para privilegiar os amigos do rei
Por: Reinaldo Azevedo 23/12/2015 às 7:01 no Blog do Reinaldo na Veja
As empresas de José Carlos Bumlai, o amigo de Lula, estão na pindaíba. E não foi por falta de incentivos oficiais. Não! Estes já foram abundantes. Entre 2008 e 2009, o BNDES emprestou diretamente ao Grupo São Fernando a bolada de R$ 392,5 milhões. Em 2012, quando já havia até um pedido de falência, o banco público emprestou mais R$ 101,5 milhões por intermédio de instituições privadas. A desculpa para emprestar a quem já estava quebrando é que o dinheiro poderia ajudar a reestruturas a empresa, o que seria bom para todos…

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

A CRISE, PARTE II - BONS E MAUS LÍDERES

Escrito por Jeffrey Nyquist* no Mídia Sem Máscara
Trump tenta explicar que é motivado por considerações de segurança e prudência. A elite escarnece. Mas o público, ainda possuindo uma sombra de seus velhos instintos, contrai-se com sentimentos sepultados que estão avançando para a superfície.
Aliás, nossos nobres homens de gênio, reais mensageiros do paraíso para nós, também foram transformados quase em desperdiçadores de tempo; - pré-designados por toda parte, e assiduamente treinados por seus pedagogos e monitores para erguerem-se no parlamento, compor orações, escrever livros, ou falando em poucas palavras, para aprovação de revisores; ao invés de fazer o majestoso trabalho real a ser aprovado pelos deuses! Nosso “Governo”, um altamente “responsável”; não é responsável diante de nenhum de Deus que eu possa ouvir, mas para vinte e sete milhões de deuses das sedutoras galeiras”. (Thomas Carlyle, Later-Day Panphlets, 1850).

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

A CRISE, PARTE I - A POLITIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO

Escrito por Jeffrey Nyquist* no Mídia Sem Máscara
As vítimas desta batalha não podem ver que estão sob ataque. Elas não sabem o que é uma arma cultural, ou como a guerra psicológica pavimenta o caminho para sua eventual destruição.

“Devemos organizar os intelectuais”.
Willi Münzenberg

Em Memoirs of a Superfluous Man (Memórias de um homem supérfluo, em tradução livre), Albert Jay Nock explicou que macacos podem ser treinados, mas apenas uma pequena porcentagem de seres humanos pode ser educada. Ele acrescentou que seus alunos nas escolas Ivy League eram, em grande parte, “macaquinhos”. Mas será isto justo, dada a natureza burocrática das universidades de agora e de então? Uma burocracia não pode ensinar a crianças e adultos como pensar. A burocracia pode oferecer testes e currículos padronizados. Pode oferecer programas adaptados a todos, e até mesmo programas de “elite”. Mas tudo é baseado na lei das médias, pensamento grupal, e um tipo de conformismo intelectual. Se Marshall McLuhan estava correto e “o meio é a mensagem”, então se o meio é a escola burocratizada, a mensagem significa a burocratização da mente humana. O fato de que bilhões de dólares têm sido despejados neste tipo de educação, e que produza resultados crescentemente desanimadores ano após ano, atesta um tipo de estupidez em massa – uma preparação para as algemas intelectuais.

domingo, 27 de dezembro de 2015

O SOCIALISMO NÃO É UMA UTOPIA ou O SOCIALISMO COMO ELE É ou O SOCIALISMO É O MAL APRESENTADO COMO SE BONZINHO FOSSE

O socialismo como ele é, não como a direita condescendente imagina ser
Dentre os aspectos mais desanimadores da direita atual, encontra-se a arrogância de compreender seu oponente de esquerda não como um implementador de totalitarismo, mas como um “coitadinho enganado”. A ilusão, criada desde os tempos de Ludwig Von Mises – quando ele escreveu a Mentalidade Anticapitalista, com uma condescendência infantil com os doutrinadores socialistas -, também se deve em parte a Michael Oakeshott. (São autores com ideias muito interessantes, mas jamais conseguiram se livrar desse lapso mental imperdoável)

sábado, 26 de dezembro de 2015

Decisão sobre o "novo" rito do impeachment pode custar o cargo de Ministro do Supremo ao Barrosão

CHICANA DE BARROSO PODE CUSTAR-LHE O CARGO DE MINISTRO DO SUPREMO. DECISÃO DO STF SOBRE RITO DO IMPEACHMENT ESTÁ BASEADA NUMA VIGARICE, NUMA MISTIFICAÇÃO CRIMINOSA.
Este vídeo que foi postado pelo sempre excelente jornalista Augusto Nunes e viraliza agora pelas redes sociais é aquilo que se pode qualificar como "prova material de um crime". Sim, o efeito criminoso e devastador perpetrado, vejam só, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), para impedir o impeachment da Dilma se deu pelas mãos de Luís Roberto Barroso, ao qual se atribui qualidades de jurista emérito e que faz parte da cota do PT. Barroso materializou a chicana.

Considerações sobre Donald Trump e a jihad (imigração e terrorismo dos islâmicos)


Escrito por Paulo Figueiredo* e publicado no Mídia Sem Máscara
Pare de dizer que as declarações de Trump prestam um desserviço aos conservadores e dão munição gratuita à esquerda. Se você pensa isso é porque está vivendo na camisa de força imposta por eles sem nem mesmo perceber.

Recentemente, meu querido amigo Rodrigo Constantino me marcou em um post sobre Donald Trump, atualmente o nosso maior ponto de divergência - que encaro saudavelmente. Chamando o candidato republicano de “bufão”, Rodrigo disse que minha razão está turvada no caso por conta da minha amizade e parceria comercial (não somos sócios) com Trump.

Deixo a critério do leitor se estas são ponderações de alguém com a razão turvada, aproveitando a oportunidade para responder a toda mídia de esquerda:

quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

ASPECTO POUCO LEMBRADO DO NATAL

Aspecto pouco lembrado do Natal 
Escrito por Gregorio Vivanco Lopes*
Fonte: Agência Boa Imprensa – (ABIM)
 
A festa de Natal é a comemoração do nascimento de nosso Salvador em Belém. É a alegria pela vinda do Menino Jesus à Terra. É a Redenção que se inicia. É o gáudio de Maria Santíssima.

A cada ano, por ocasião dessa magna data, graças especiais descem sobre os homens. São graças de suavidade, de bem-estar espiritual, de uma felicidade intensa e calma. Quanto mais uma sociedade está penetrada pela influência da Civilização Cristã, mais essas graças se fazem sentir; quanto mais ela estiver paganizada, mais as almas tendem a rejeitá-las, e então elas parecem refugiar-se nos poucos que permanecem fiéis ao sentido autêntico do Natal.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

QUANDO DEUS SE ESCONDE

Escrito por Frei Clemente Rojão OAAO/ no FREI ROJÃO
Por melhor que você conheça a doutrina, se Deus decidir esconder de você a Sua Face, por quaisquer motivos dEle, você vai chorar e sofrer feito um coitado, como um Jó, como um parvo, como um ignorante. E em vão clamar intelectualmente por um Deus que parece não existir. Muitos santos, como Santa Teresa D'Ávila, ou mesmo o Jó da Bíblia, já viveram isso. 

Nestas horas todo o edifício da lógica interna da teologia rui. Porque lógica interna até a matemática tem. Teoria das Cordas tem lógica interna. Um jogo de poker tem lógica interna. Mas você não quer lógica interna, você quer a Deus, não um tratado de Hegel!

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Graça Salgueiro conta como a oposição evitou a fraude das eleições eletrônicas na Venezuela

Escrito por Graça Salgueiro* no Mídia Sem Máscara
Com exclusividade, Graça Salgueiro conta como a oposição impediu que os comunistas fraudassem mais uma eleição na Venezuela.
Diosdado Cabello chora, pois perdeu o poder e poderá ser julgado como chefe de cartel de drogas nos EUA.
O ano de 2015 fecha com um grande revés para o comunismo e o Foro de São Paulo (FSP) na nossa região. Primeiro, com a eleição do conservador Mauricio Macri na Argentina em 22 de novembro, pondo fim à nefasta dinastia Kirchner, e agora, com a derrota do PSUV (Partido Socialista Unido da Venezuela) para a MUD (Mesa de Unidade Nacional) nas eleições parlamentares de 6 de dezembro na Venezuela.

Mas se a eleição venezuelana não foi para presidente, por que essa importância e por que é um golpe para o FSP? Quando Chávez alterou a Constituição através de uma Assembléia Nacional Constituinte logo depois de assumir seu primeiro mandato, as duas casas legislativas foram dissolvidas e criada apenas a Assembléia Nacional (AN), unicameral, que conta com 167 deputados. Em decorrência de sucessivas fraudes, o PSUV e coligados ocupavam praticamente todo o parlamento e aprovavam todas as propostas vindas de Chávez (e agora Maduro) e do número dois do governo, Diosdado Cabello, presidente da AN.

domingo, 20 de dezembro de 2015

Show ecológico realizado na Basílica de São Pedro não está de acordo com a fé católica

Postado por Luis Dufaur, 20/12/2015, às 05:30 no site Verde: a cor nova do comunismo

Em numerosos posts deste blog temos documentado e comentado a existência de um fundo panteísta e evolucionista que crepita dissimuladamente no ecologismo radical.

Essa visão do mundo afino com o evolucionismo marxista e o de certas escolas teológicas, como a de Teilhard de Chardin ou místicos pagãos islâmicos, por exemplo.

Infelizmente, ela irrompeu num texto de grande repercussão mundial.

Esse texto que se apresenta como uma encíclica embora não pretenda sê-lo e virtualmente ignore o nome de Jesus Cristo é a Laudato Si’.

sábado, 19 de dezembro de 2015

Nelson Pedalada Barbosa pode ser condenado e afastado pelo TCU

Escrito por Coronel do Blog do Coronel
O novo ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, está na lista de pessoas que podem ser punidas pelo TCU (Tribunal de Contas da União) no caso das chamadas "pedaladas fiscais". O tribunal considerou ilegais os atrasos dos repasses da União para quitar benefícios sociais e subsídios pagos por bancos públicos em 2013 e 2014. 

Ao menos 17 servidores, entre eles Barbosa e o ex-ministro Guido Mantega, podem responder por atos de improbidade e crime contra as finanças. A ação pode resultar em perda do cargo e inabilitação por oito anos para exercício de função pública, em caso de condenação. Em 2012, o Ministério da Fazenda publicou duas portarias na tentativa de institucionalizar o atraso no repasse de recursos para os bancos públicos. Os normativos diziam que o governo poderia adiar em dois anos, pelo menos, o pagamento de dívidas com o BNDES. Eles foram assinados por Mantega e Barbosa (na época número 2 da Fazenda, que estava como ministro interino). 

No início de dezembro, o TCU negou recurso do governo que tentava reverter a decisão do órgão de abril deste ano. A decisão de abril fundamentou parecer pela rejeição das contas de 2014 da presidente Dilma Rousseff, decisão tomada pelo TCU meses depois. 

Com a decisão deste mês, o ministro José Múcio ficou livre para concluir o processo original das chamadas pedaladas, que só deve ser votado em 2016.(Folha)

Talvez um dos que mais cuspiram na cara de seus eleitores, Álvaro Dias quer concorrer à presidência em 2018

Álvaro Dias é hoje conhecido por duas obras. Primeiro, por ter indicado o ministro do STF Fachin, que não engana ninguém, uma vez que ele deu um voto falso na última terça-feira, quando tudo estava combinado com os outros ministros, que votaram pelo golpe do PT (e ele nem escondia seu riso de satisfação). Segundo, por ter entrado em uma ação contra Michel Temer (querendo incluí-lo no processo de impeachment), fazendo o serviço com gente como Renan Calheiros, Leonardo Picciani e, é claro, Dilma Rousseff.

E agora temos uma notícia divertida:

Ao confirmar a ida para o PV, o senador Álvaro Dias se queixou de estar limitado à condição de “coadjuvante” na atual sigla, tanto no governo do Paraná quanto no plano nacional.
A fala já antecipa a pretensão de Dias na nova legenda: disputar a Presidência em 2018.
O tema foi conversado com José Penna, presidente nacional do partido, que abriu a janela para uma negociação futura.
O problema é a concorrência interna: em 2014, o candidato do PV ao Planalto, Eduardo Jorge, virou “cult” numa parcela do eleitorado, e há quem queira repetir a dose de sua candidatura daqui a três anos.

Álvaro Dias será desconstruído pelo PT. E merece ser desconstruído ainda mais pela oposição. Tive certa caridade pelos adversários do PT em 2014, incluindo Marina Silva. No caso de Dias, não terei nenhuma. Ele não merece.

Vai ser divertido ver o resultado nas urnas de toda sua arrogância.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

CURSO DE LEITURA BÍBLICA DO FREI ROJÃO


O Curso de Leitura da Bíblia disponibilizado em livro ou ebook é um método fácil e didático para o bom católico avançar no conhecimento da Bíblia e de Nosso Senhor Jesus Cristo. Em abordagem apologética e histórica, este curso pequeno faz a ligação entre o Antigo e Novo Testamento com a História e doutrina da Santa Igreja Católica, Mãe e Mestra da Verdade, oferencendo uma visão panorâmica dos estilos literários e ambiente histórico na Bíblia. Cansado de ficar nas mãos dos padres vermelhos distorcendo a Escritura nas homilias? Cansado de ouvir besteira de protestantes e sua ignorância anticatólica cavalar? Cansado de não conseguir ler um texto por conta da educação deficiente que recebemos nas escolas? Pois este é seu manual de como andar com as próprias pernas na Palavra de Deus. Porque desconhecer as Escrituras é ignorar a Cristo. E custa menos que meia dúzia de ações da Petrobrás, além de que o seu livro ninguém vai roubar.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Os petistas e aliados esquerdistas são muito mais perigosos do que as pessoas imaginam

Escrito por Leandro Ruschel* e publicado no Mídia Sem Máscara
Qualquer pessoa com um QI acima de 80 consegue entender:

1) A esquerda latino-americana odeia a democracia, mais até que a esquerda em geral. Melhor colocando, ela chama de democracia quando o poder está nas suas mãos e de ditadura e (ou) golpe quanto não está.

2) As próprias eleições para eles são democráticas apenas quando através do populismo barato conseguem distribuir riqueza criada por outros para comprar votos e apoios. Assim que o dinheiro acaba junto com a popularidade, as eleições passam a ser roubadas ou taxadas de "golpe".

SARA WINTER - FEMINISTA - PELOS LÁBIOS DELA FALA A VOZ DA EXPERIÊNCIA

O mais recente rebuliço das redes sociais está sendo provocado por uma única feminista que, tendo abandonado a sororidade, resolveu dedicar a vida pública a desmascarar o feminismo tupiniquim. Não sei exatamente a trajetória dela entre o fim das atividades do Femen Brazil e a sua apoteótica irrupção pública ocorrida há algumas semanas; sei, no entanto, que a vida da Sara Winter nunca foi e nem tem sido fácil.

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

O PIOR TIPO DE PERVERSIDADE

DESARMADOS II
Escrito por Percival Puggina, 14.12.2015, no Blog do Puggina
Tenho muito orgulho dos meus leitores. É admirável a riqueza de conteúdo dos comentários que fazem no meu site (www.puggina.org). Por isso, recomendo sempre que acessem os artigos ali. Também meus espontâneos, inteligentes e criativos comentaristas merecem a atenção dos leitores.

Quero destacar uma das observações feitas ao texto sobre desarmamento (DESARMADOS!) que pode ser lido em http://www.puggina.org/artigo/puggina/desarmados/5593. Nela, o leitor José Luiz de Sanctis chama a atenção para o fato de que as estatísticas usadas pelos defensores do desarmamento destorcem a realidade porque apenas registram os casos em que as vítimas reagiram e se deram mal, mas não levam em conta todas as outras em que reação oportuna e correta as protegeu de um ataque. E lembrou: "Ninguém registra uma ocorrência para relatar que foi quase vítima".

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

DESARMADOS!

Escrito por Percival Puggina*, 11.12.2015, no Blog do Percival Puggina
Não há tese errada, prejudicial ou desastrosa, sob o ponto de vista social, político, moral ou econômico, que não seja, mundo afora, abraçada pela esquerda. Desarmamento da população civil, entre elas. É inconcebível a irresponsável superficialidade, despegada do mundo real, com que os defensores do desarmamento tratam de uma questão tão prática. Transcrevo abaixo, então, para reflexão dos leitores, experiência que relatei numa crônica de 2011. Inúmeros pais de família devem ter passado por situações semelhantes.

domingo, 13 de dezembro de 2015

PARA VIRAR O JOGO É PRECISO CONHECER O ADVERSÁRIO

"Sem um estudo desse fenômeno do globalismo nunca vamos entender o que está acontecendo no Brasil."
Olavo de Carvalho
Não é novidade que a maioria dos brasileiros não só adora futebol como acompanha os campeonatos e sabe tudo sobre os times, suas escalações, placares e estratégias. Não seria fantástico se o povo também aprendesse quem são verdadeiramente os jogadores em campo no jogo político, uma vez que o placar deste afeta a vida de todos nós?

Através desta simples montagem é possível entender o Pacto de Princeton, abordado no livro O Eixo do Mal Latino-Americano e a Nova Ordem Mundial, de Heitor de Paola (adquira aqui:https://loja.observatoriolatino.com), que compreende uma aliança estratégica entre o Diálogo Interamericano - ao qual fazem parte FHC e Marina Silva - com o Foro de São Paulo.

VEM PRA RUA BRASIL! - HOJE 13h - CURITIBA



Abro as postagens deste domingo, 13 de dezembro de 2015, com dois vídeos: um com a jornalista Joice Hasselmann, aí acima e outro do Vem Pra Rua. Ambos exortam as pessoas a irem às ruas neste domingo, dia 13, a partir das 13 horas para dar início às manifestaçõdes Pró-Impeachment da Dilma e Fora PT que agitarão o Basil de ponta a ponta.
Não esperem o entusiasmo da grande mídia nacional. Farão cobertura a contragosto e seus jornalistas, em imensa maioria, torcem contra juntamente com Lula e seus sequazes. Incluem-se os mega empresários e banqueiros que são os sócios principais do PT e demais agremiações comunistas - populistas uma ova! comunistas! A grande mídia sempre arranja um jeito de esconder a realidade dos fatos.

Pois bem. Neste vídeo Joice faz a convocação no âmbito de São Paulo, que é a maior capital do Brasil e uma das maiores do mundo. Fica então esta chamada que é extensiva a todo o Brasil, não importa o tamanho da cidade e o número de pessoas presentes. Nem que seja meia dúzia num pequeno rincão deste imenso país será importante, muito importante!

Se a grande mídia e seus jornalistas amestrados tentam diminuir e desqualificar as manifestações, a internet está aí para desmascará-los, bem como os blogs independentes e os próprios dispositivos móveis que permitem a postagem imediata nas redes sociais, como Facebook e Twitter.

Reforço as palavras de Joice Hasselmann. É muito importante que todos contribuam com suas presenças nas passetas em todo o Brasil. O povo na rua é tudo o que os políticos, o PT e os empresários e banqueiros do petrolão temem. Na verdade, é a única coisa que eles tem horror.

Se alguém ainda não participou de nenhuma dessas manifestações tem mais uma oportunidade de ser protagonista da história. Dedique, portanto, algumas horas deste domingo e junte-se a essas manifestações para brecar definitivamente essa pilhagem indecente e criminosa dos cofres públicos do Brasil; para brecar esses psicopatas comunistas e seus novos sócios, banqueiros e empresários grandalhões. Essa gente tem de ser afastada do poder de qualquer maneira. Não permitiremos que sequestrem o presente e o futuro da Nação.

O impeachment da Dilma é o primeiro passo para destruir essa camorra maldita que infelicita a Nação, que paralisa o Brasil de forma a criar as condições para a implantação de um regime totalitário comunista de viés cubano/venezuelano.

O futuro está nas mãos do povo e não nas mãos dessas aves de rapina. Os brasileiros decentes que são a maioria estarão formando neste domingo uma grande corrente para por um fim a esse cipoal de roubalheira, violência e impunidade. O primeiro passo é o impeachment da Dilma.

Os cidadãos decentes que trabalham, que estudam, trabalham e estudam, merecem um país com segurança, paz e prosperidade.

Você não pode faltar! Sua presença é fundamental para mudar o Brasil!

sábado, 12 de dezembro de 2015

A liberdade democrática ocidental é filha do Cristianismo

"Na democracia, a religião é mais necessária do que em qualquer outro regime... Acredito que as sociedades democráticas são naturalmente hostis à religião e estão cometendo um grande erro: nada no cristianismo, nem mesmo no catolicismo, é absolutamente contrária ao espírito destas sociedades, e muitas coisas lhes são muito favoráveis."
Alexis de Tocqueville, adaptado, apud "Notes sur le Coran et autres textes
sur les religions"

Estes libertários que defendem a imigração muçulmana indiscriminada estão criando os corvos que vão furar seus olhos. NÃO EXISTE liberdade na Sharia, ela é considerada uma lei perfeita por eles, e nossas "liberdades" são bobagens. Não há separação entre religião e estado, entre crença e lei civil.

A liberdade é um pacto, se um não seguir vai tudo por água a baixo. os refugiados NÃO QUEREM jogar o nosso jogo. Como esses libertários são burros, meu Deus! Ou burros ou financiados pela turma do Golfo Pérsico.

É uma invasão. Não se coexiste com quem quer te destruir. Os bens da liberdade nao conseguem conviver com quem quer destruí-la. É como fazer um castelo de cartas com quem quer destruir este castelo.

Te vejo libertariamente debaixo do niqab. Ah, e ela não tem liberdade de tirar.
***

A liberdade democrática ocidental é uma frágil planta hidropônica vivendo nas suas águas artificiais, que morre se solta na natureza, e só prospera no ambiente nutritivo e favorável da sociedade e cultura cristã. Quando morre a cultura cristã morre a liberdade civil.

A democracia moderna é um gigantesco jabuti em cima da árvore, colocado pelo Cristianismo. Mas acham que este jabuti subiu lá sozinho. Ou pior, acham que ele tem asas. Não. Ele não tem. E quando ele cair no chão de cabeça para baixo, não haverá mais cristianismo para recolocá-lo. Ai vai ser ou comunismo ou Sharia. Que vença o pior.

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

BARNABÉ, O CRÉDULO

Escrito por Gregorio Vivanco Lopes*     
Fonte: Agência Boa Imprensa – (ABIM)
Sempre apreciei muito o Barnabé. É fora de dúvida que ele tem qualidades. É reto, despretensioso, de trato agradável. Mas o coitado tem um defeito incorrigível, tão incorrigível que acabou por fazê-lo ficar de miolo mole.

O defeito do Barnabé é que ele acredita piamente em tudo quanto dizem os intelectuais da última moda, aos quais uma literatura pseudo-filosófica e certos cadernos da mídia concedem grande audiência. E o mais triste é que o pobre Barnabé procura seriamente aplicar na vida concreta as fantasias elucubradas por esse gênero de sonhadores utópicos que a esquerda costuma produzir a rodo.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

A MIOPIA DO RELATIVISMO CULTURAL: O Islã é baseado em três desigualdades: entre homem e mulher, homem livre e escravo, e muçulmanos e infiéis

Escrito por Filip Mazurczk*, 7/12/2015, publicado no Mídia Sem Máscara
O Islã é baseado em três desigualdades:
entre homem e mulher, homem livre e escravo, e muçulmanos e infiéis.

Quando indagado por um repórter inglês sobre o que pensava da civilização ocidental, Mahatma Gandhi alegadamente gracejou: “seria uma boa ideia”. Estudiosos duvidam de que esta conversa tenha ocorrido. Porém, a popularidade da anedota mostra quão amplamente odiada nossa civilização se tornou, inclusive entre nossa própria elite cultural relativista. A auto-aversão é frequentemente conjugada à glorificação do Extremo Oriente e à apologia ao Islã.

Na verdade o Ocidente criou a maior civilização da história do mundo, e foi apenas após o Iluminismo que seu declínio começou. Uma comparação com as sociedades orientais e muçulmanas revela que apenas no Ocidente liberdade, beleza e busca pela verdade puderam florescer.

domingo, 6 de dezembro de 2015

12 frases que precisamos falar para os meninos

Esta semana a internet foi “agraciada” com mais um péssimo artigo (se é que pode ser chamado de um artigo, já que é apenas uma coletânea de frases e imagens inúteis sem qualquer argumentação) onde diz – ou melhor, ordena – que os pais parem de falar 12 frases aos seus filhos que, segundo a mentalidade feminista, os transformariam em “homens das cavernas retrógrados machistas e opressores”.

O artigo em questão é uma piada pelos seguintes motivos:primeiro, proclama-se embasado na opinião (repito – opinião) de mães e educadoras infantis e não em estudos concretos.Segundo, não há qualquer argumentação para justificar o motivo de tais frases serem proibidas. Terceiro, como se trata de um artigo “opinativo”, ou seja, trata-se de mera opinião e não dissertação sobre fatos concretos, não se ouviu a outra parte.

Até agora.

Irei responder neste artigo (este sim, pautado com argumentação e não por imagens apelativas) o motivo de tais frases não só poderem continuar a ser ditas, como o motivo e a razão delas existirem por gerações no vocabulário dos pais honrados dessa nação.

Frase 1. “Vira homem, moleque.”


Ao contrário do que as tais mães e “educadoras” possam pensar, essa frase não tem um sentido imputar orientação sexual. Quando os pais dizem para o filho “virar homem” não estão dizendo que o sexo feminino é ruim e que apenas o sexo masculino é bom como conclui a mente doentia dessas pessoas. A frase atua apenas como um reforço positivo para que os filhos amadureçam.

sábado, 5 de dezembro de 2015

Defender o aborto é ter ódio à vida e à lógica


Escrito por Gabriel de Arruda Castro* e publicado no Mídia Sem Máscara
Toda filosofia que atribui a um ser humano o direito de decidir sobre a humanidade do outro traz em si a raiz do genocídio e da autodestruição.

Por trás da nuvem de fumaça criada por grupos favoráveis ao aborto com chavões como “o direito da mulher sobre o próprio corpo”, resta uma questão primordial e que gira em torno do seguinte corolário:

Toda vida humana inocente deve ser protegida
O bebê em gestação é humano, vivo e inocente
Todo bebê em gestação deve ser protegido

Quem pretende debater o tema com rigor e seriedade precisa apreciar essa questão antes de qualquer outra.

DOMINGO, DIA 13/12/2015, VAMOS À RUA PELO IMPEACHMENT DA DILMA

"DOMINGO, DIA 13, VAMOS NOS LIVRAR DO 13"! CONVOCAÇÃO GERAL PARA MEGA MANIFESTAÇÃO EM TODO O BRASIL EM APOIO AO IMPEACHMENT DA DILMA.
Por Aluízio Amorim no Blog do Aluízio
Os movimentos democráticos já estão com um gigantesco trabalho de mobilização para a maior manifestação do povo brasileiro nas ruas deste Brasil, marcada para o próximo dia 13, às 13 horas para detonar o 13, número do azar, número do PT.

Inclusive já foram oficializadas diversas cidades onde os movimentos já confirmaram o mega evento destinado a varrer o PT do poder manifestando o apoio irrestrito da esmagador a maioria do povo brasileiro ao processo de impeachment da Dilma que já tramita no Congresso Nacional.

O Antagonista acaba de divulgar as cidades que já estão listadas.

"Domingo, dia 13, vamos nos livrar do 13".
Esta é a chamada para os primeiros atos pró-impeachment.
São Paulo: Masp, 13 horas.
Rio de Janeiro: Copacabana, posto 5, 13 horas.
Belo Horizonte: Praça da Liberdade, 13 horas.
Curitiba: Praça Santos Andrade, 13 horas.
Brasília: Congresso Nacional, 10 horas.
O manifesto diz também (e O Antagonista apoia com entusiasmo):
"O impeachment com você na rua, agora vai!
Passe esta mensagem adiante! Compartilhe em todas as redes sociais.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

O DIABO PEDE PASSAGEM

O demônio pede passagem
Escrito por Gregorio Vivanco Lopes em 30 de setembro de 2015 no IPCO
À medida que as pessoas vão se afastando mais e mais da verdadeira Religião, da devoção a Nossa Senhora, da recepção dos sacramentos, da vida de oração, da humilde aceitação do sacrifício, a presença diabólica vai se tornando mais densa. Em alguns casos, poder-se-á chegar à consumação de pactos satânicos. O ambiente criado pelo mundo moderno é propício à ação diabólica.

Casos individuais de entrega ao demônio, sempre os houve na história da humanidade pecadora. Mas provocavam horror. O que sobretudo preocupa nos nossos dias é uma certa aceitação social do fenômeno diabólico, uma falta de rejeição proporcionada à sua enorme gravidade.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Uma experiência pessoal, a pedofilia no mundo árabe e o mito do Islã moderado

Escrito por Daniel Barenbein* e publicado no Mídia Sem Máscara
Uma experiência pessoal vivida há alguns poucos anos serve para demonstrar a inexistência de islamismo moderado. Quero reparti-la com vocês, leitores.

Isso não significa, e isto quero esclarecer logo de cara, que não existam muçulmanos moderadores. Existem. Não posso negar a realidade. Conhecemos por nome: Muhammed Zoabi em Israel, por exemplo. Wafa Sultan, a lutadora pelos direitos humanos das mulheres sob o Islã. Poucos. Cabem numa mão, talvez. Em um universo de 1,5 bi de pessoas. Frisando: SABEMOS SEUS NOMES. E isso é o grave. São tão poucos, que se tornam matematicamente irrelevantes, muitos deles, tendo abandonado sua fé inclusive, como o caso de Sultan.

Logo, um fenômeno organizado chamado "islamismo moderado" inexiste, não porque eu não queira, ou porque seja "radical" ou qualquer outra pecha que queiram me dar, mas simplesmente pelo mesmo motivo pelo qual disse que indivíduos existe. Macrossociologicamente falando, são irrelevantes. Não entrariam em uma margem de erro.

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO - O ASSALTO FINAL ÀS MENTES MAIS INOCENTES

MEC – O ASSALTO FINAL ÀS MENTES
Escrito por Percival Puggina*, publicado em 29.11.2015 no site Puggina.org
Será impossível no espaço deste texto escrutinar o subproduto do Plano Nacional de Educação que atende pelo nome de Base Nacional Comum Curricular (BNCC). É o que poderíamos chamar de veneno diluído em abundantes doses curriculares. Ninguém morre intelectualmente com uma pitada, mas depois de uma dúzia de anos não sobra neurônio com autonomia. O objetivo final do petismo na Educação e na Cultura é tornar-se hegemônico. No meio, fica tudo: da música ao teatro, da internet à sala de redação, do seminário religioso à reserva indígena, do sistema bancário à barraquinha da praia, dos corações às mentes. Para conquistar mentes e corações, os companheiros burocratas do MEC trataram, primeiro, de unificar tudo, inclusive os exames vestibulares através do ENEM (com o qual a BNCC tem que "dialogar"). A esquerda adora os sistemas únicos, os coletivos, totalmente controláveis. Depois, criaram um Plano Nacional de Educação que o Congresso parcialmente comprou pelo valor de face. Agora, pretendem impor um currículo único que, uma vez definido, fará com que todos entendam e interpretem as coisas como o PT quer. Ao menos em 60% dos conteúdos. Os outros 40% não o interessam.