domingo, 10 de novembro de 2013

Saques se espalham pela Venezuela. A anarquia precede o golpe comunista final. O esquema é velho como o diabo. O estatismo não mata apenas o livre mercado, mata as pessoas de fome! Sequestra o futuro da população!

SAQUES SE ESPALHAM PELA VENEZUELA. A ANARQUIA PRECEDE O GOLPE COMUNISTA FINAL. O ESQUEMA É VELHO COMO O DIABO.
HERRAMIENTA DE TRADUCCIÓN EN LA COLUMNA A LA DERECHA MAS ABAJO
Leitora da Venezuela acaba de postar nos comentários aqui no blog o link para este vídeo em alta definição que mostra a loja da rede Daka da cidade de Valência, Estado de Carabobo, sendo saqueada depois que o tiranete Nicolás Maduro, decretou a intervenção estatal nessa empresa.

Recomendo muito que vejam este vídeo. É a prova viva da advertência que fazemos diariamente aqui no blog sobre ação corrosiva do comunismo do século XXI que se abate sobre o continente latino-americano sob a coordenação do Foro de São Paulo, a organização esquerdista que reúne todos os partidos comunistas da América Latina e que tem Lula e Fidel Castro como fundadores. Essa entidade se reuniu há pouco tempo em São Paulo, mas como foi transformada em tabu pelos jornalistas que dominam as redações dos jornais, TVs e rádios, pouco se falou sobre o Foro de São Paulo. Só para terem uma idéia do quanto o comunismo do século XXI, essa nova faceta do terror, já avançou não só na Venezuela, mas também aqui no Brasil e nos demais países das Américas, incluindo - pasmem - os Estados Unidos por obra e graça do governo de Hussein Obama, se vê pouca reação das pessoas. Isso já é o resultado da permanente doutrinação, verdadeira lavagem cerebral que alcança todos os patamares sociais.

A cenas que se vêem neste vídeo mostram do que o comunismo é capaz. Insuflados pela luta de classes disseminada pelos arautos do Foro de São Paulo, que já dominam as escolas e universidades e todos as demais organizações da sociedade civil, como sindicatos e até mesmo entidades empresariais e, de forma especial, todos os meios de comunicação, os cidadãos perdem a noção sobre os valores morais e éticos. Encaram de forma natural o roubo, a invasão da propriedades privada, a pilhagem.

Por mais injustiça que possa haver não se justifica de maneira nenhuma a criminalidade. Entretanto, essa é a técnica de domínio comunista: eliminar o conjunto de regras e valores que sustentam a civilização ocidental e que permitiram o grande avanço científico e tecnológico, a qualidade de vida das pessoas, o acesso aos bens materiais antes restritos a reis, rainhas e déspotas de todos os gêneros.

Essa extraordinária abertura de possibilidades às pessoas foi resultado da racionalidade do Direito que deu vida ao Estado de Direito Democrático e a segurança jurídica. Foi tudo isso que permitiu o avanço capitalístico com a otimização da produção elevando a escala e determinando o barateamento dos produtos de forma a permitir que cada vez mais aumente o contingente de pessoas que possam ter acesso a esses bens que promovem o conforto, a segurança e o lazer.

Entretanto, não há milagre. A igualdade entre os homens é uma quimera; é o maior embuste e o maior delírio que só encantar os incautos ou oportunistas.

Nunca haverá progresso sem trabalho, sem estudo, sem a obediência às regras, sem ordem e sem respeito à lei. Não há almoço grátis, como também não há eletrodomésticos grátis. Onde acreditaram nesse sonho falso e abjeto a liberdade e a democracia evaporaram. Exemplo disso é Cuba, um país zumbi que nada produz. A ausência de democracia e capitalismo é que faz de Cuba uma Nação zumbi esfarrapada. O que é sonegado do povo cubano nutre Fidel Castro e seus acólitos que vivem nas mansões do Laguito e não têm de se submeter ao racionamento de alimentos e demais produtos de primeira necessidade.

O que está acontecendo na Venezuela se não for combatido imediatamente fará daquela que poderia ser uma pujante Nação um viveiro de zumbis governados por uma tirania no mais perfeito estilo de Fidel Castro.

É claro que os investidores, os homens de negócio não irão querer arriscar seu capital - o capitalismo verdadeiro tem risco sim! - num país cujo governo estimula o saque e deplora a propriedade privada.

O que ocorre agora na Venezuela é o resultado do aumento do tamanho e influência do Estado. O estatismo não mata apenas o livre mercado, os empreendimentos produtivos, mata as pessoas de fome! Sequestra o futuro da população!

Está provado de forma inapelável que só os países essencialmente capitalistas e pautados pela democracia e as liberdades econômica e política é que têm prosperado. E são eles que abastecem de alimentos e demais produtos os 7 bilhões de seres humanos espalhados pelo planeta. Essa é a estimativa da população mundial atualmente.

Neste sábado houve na Venezuela um protesto auto-convocado pelas redes sociais. Milhares foram às ruas protestar contra o governo do filhote de Chávez, contra inflação galopante; contra a escassez de alimentos, de papel higiênico e de medicamentos. Todavia, o evento que ocorreu em dezenas de cidades do país, além da capital Caracas, acabou sendo minimizado pela eclosão de violência originada de forma proposital pelo governo de Maduro. Primeiro prenderam um jornalista americano do Miami Herald; posteriormente o tiranete promoveu a intervenção estatal no grande grupo empresarial Daka. Tudo milimetricamente elaborado para turbar a gigantesca manifestação de descontentamento da população.

Ainda neste domingo postarei algumas fotos do protesto. Se vê gente calma e educada com cartazes, protestando firmemente com atos e palavras, porém sem atacar fisicamente ninguém, sem invadir propriedade pública e privada, sem promover saques. Isto é democracia. O resto é anarquia, porém uma anarquia planejada para ocorrer. Trata-se de uma primeira etapa: a convulsão social para, posteriormente, o golpe que anulará os últimos vestígios de democracia. Consumando-se o diabólico plano, a Venezuela passará, por incrível que pareça, a ser apenas um apêndice de Cuba. Aliás, como noticei à época aqui no blog, Chávez aventou a possibilidade de um Estado Transnacional Cuba-Venezuela.

Portanto, não está descartado o Estado Transnacional Brasil-Cuba. Essa história começou na Venezuela com a importação de médicos cubanos. Está avançando com lojas sendo saqueadas. E não precisa acrescentar mais nada. O vídeo acima é dramático. Não deixem de ver e espalhar pelas redes sociais.

Tags: saques na Venezuela, ditadura socialista, Nicolás Maduro, Foro de São Paulo, Organização PT, Cubazuela, HD Saqueo Daka, filhote de Chávez, Aluízio Amorim, estertores do capitalismo na Venezuela, fim da liberdade na Venezuela

Nenhum comentário: